março 11, 2020

Crise na Bolsa! O que é Circuit Breaker?

Pois é! Em três dias tivemos dois circuit breakers na Bolsa de Valores brasileira. O primeiro, devido ao coronavírus e a guerra no preço do petróleo entre Rússia e Arábia Saudita (OPEP).

E agora, logo após a OMS declarar uma Pandemia Mundial. 

Mas o que de fato é Circuit Breaker? 

Esse é um mecanismo utilizado na Bolsa de Valores. Ele foi projetado para proteger os investidores quando o mercado torna-se fortemente vendedor (quedas bruscas), de maneira a amortecer e rebalancear as ordens de compra e venda.

Trata-se de uma proteção à volatilidade em excesso, que ocorre em momentos raros.

Quando o Ibovespa cai 10%, em outras palavras, quando as principais ações da bolsa recuam 10 pontos percentuais, o pregão é paralisado por 30 minutos. Após o período, ele reabre e se o índice bater 15% negativo, é paralisado por uma hora.

Se após esse período ocorrer mais 5% de queda, totalizando 20% em relação ao índice de fechamento do dia anterior, a Bolsa poderá determinar a suspensão dos negócios em todos os mercados por prazo definido a seu critério, sendo comunicado ao mercado tal decisão por meio da Agência de Notícias (ABO-OPERAÇÕES) – (retirado de documento da CVM).

Esse mecanismo é muito importante para proteger o mercado de uma queda livre que pode colocar os negócios de todos em risco. 

As últimas vezes que tivemos o mecanismo sendo acionado foram durante o Joesley Day no dia 18 de Maio de 2017, chegando a cair 10,47% e em 200, quando houve 10,18% de queda com a recessão causada pela subprime.

Para ficar por dentro do que está acontecendo no mercado, acompanhe o Rico Matinal, relatório diário da Rico com as informações mais importantes do dia. 

Nova call to action