Onde investir em maio? Faça o download gratuito do relatório com as recomendações do Time Rico.

17/08/2023 12:32:54 • Atualizado em 14/05/2024 08:59:32
27 minuto(s) de leitura


Taxa de corretagem: veja qual o impacto nos investimentos!

Entenda o que é e como é cobrada a taxa de corretagem em corretoras de investimentos. Descubra como escolher a melhor opção para o seu perfil.


Compartilhar:
Fotografia de mulher buscando informações em seu notebook sobre taxa de corretagem.

A taxa de corretagem é um importante fator a ser considerado nos investimentos. 

Muitas pessoas inclusive deixam de investir porque acham que é caro ou difícil demais.

Hoje você sabe quanto paga de taxa ao investir?

Quando cobrada, a taxa de corretagem é calculada normalmente sobre o valor da operação.

Ela pode ser dividida em duas partes: uma porcentagem e/ou um valor fixo tabelado. 

Para grandes investidores e para quem investe em renda variável, a taxa de corretagem pode ser quase irrelevante. Já para um investidor pequeno, pode representar 5 ou 10% do valor total investido.

E, se o investidor não ficar muito atento à escolha da corretora, o seu rendimento pode até mesmo ser prejudicado.

Mas calma! Isso é uma exceção, o normal é que a taxa de corretagem seja um dos menores custos ao se investir.

O custo de oportunidade de não investir e deixar de ter rendimentos é muito maior do que qualquer taxa ou imposto.

As negociações de ativos e ações costumam gerar alguns custos para os investidores. Tais como:

Neste artigo, você vai saber tudo sobre taxa de corretagem. Se tiver alguma dúvida, deixe o seu comentário no final da página.

Boa leitura!

[Ebook] Guia completo para investir em Agronegócio

Saiba como investir em um dos setores destaques da economia brasileira no cenário nacional e internacional.

Preencha seus dados e faça o download!

Enviando...

Ao prosseguir, seus dados podem ser usados pelo Grupo XP Inc. para promover suas atividades, incluindo o envio de ofertas de produtos/serviços. Você pode se opor a tal recebimento a qualquer momento, por meio do próprio canal de recebimento. Acesse a Política de Privacidade para mais detalhe.

envio com sucesso

Agradecemos o download!

Aproveite as informações do material e descomplique a sua vida financeira com a Rico.

 

Download

O que é taxa de corretagem?

De forma resumida, a taxa de corretagem é o custo pela negociação de ativos financeiros ou pela fração deles.

Ou seja, para cada negociação de compra e venda, a corretora cobra um valor sobre negociações de ativos ou ações da Bolsa.

Esse valor é debitado na transação, mas a porcentagem ou valor fixo, a depender da corretora, pode ser sobre o valor da compra ou venda.

Por exemplo, se o investidor vende um lote comum (100) ações no valor total de R$1.300, ele deverá pagar uma taxa sobre o valor de R$1.300. Mas qual o valor?

Existe uma tabela da Bovespa que delimita a taxa mínima de corretagem fixa e a porcentagem por intervalos de valores.

Mas as corretoras podem aplicar os valores que acharem convenientes e, inclusive, isentar o investidor algumas taxas.

As taxas a seguir são da B3 e servem como base para cálculos e pesquisas. Veja a tabela de taxa de corretagem atual:

De maneira geral, a taxa pode ser aplicada de três diferentes formas:

  • Fixa: determinada conforme o intervalo no qual o valor total da negociação se encaixa. Mais comum em operações via Home Broker.
  • Porcentagem do volume: calculada sobre o valor exato da negociação.
  • Porcentagem mais fixa: é a composição dos dois itens acima. Esta forma, no entanto, é mais comum nas mesas de operações.

Os valores podem variar conforme as normas de cada corretora ou até mesmo a natureza de cada negociação.

Quais os tipos de taxas de corretagem?

O mercado de investimentos possui uma gama imensa de opções para os investidores dos mais variados perfis. Algumas com riscos maiores, outras com riscos menores, mas e as taxas?

Bom, elas também sofrem alterações de acordo com o tipo de investimento.

Como citado, todos os títulos de renda fixa têm, na Rico, taxa zero. Vale lembrar que investir em fundos imobiliários na Rico também têm taxa zero!

O custo operacional do Tesouro Direto, por exemplo, envolve apenas a Taxa de custódia da BM&F Bovespa, de 0,30% a.a. e o Imposto de Renda.

Outros investimentos de renda fixa, como por exemplo LCI/LCA, são isentos de impostos.

Mas e as ações, opções e contratos futuros? Vamos falar um pouco sobre cada uma delas.

Taxa de corretagem para ações

As negociações que envolvem ações são as mais conhecidas. E funcionam, de forma bastante resumida, como se cada empresa colocasse no mercado parte do seu negócio.

Aqueles que se interessam compram esses papéis e tornam-se “sócios” minoritários daquela empresa.

Para comprar ações, o investidor deve contratar uma corretora para intermediar as negociações. Desta forma, ao enviar uma ordem de compra e venda pela corretora, ela é automaticamente enviada ao mercado.

A taxa de corretagem, nesses casos, é cobrada por ordem efetivada, seja ela de compra ou de venda.

Quanto maior o volume de operações, ordens e volumes de transação, melhores as chances do investidor conseguir taxas mais baratas. A Rico, por exemplo, disponibiliza planos de corretagem de acordo com o volume de ordens que o investidor pretende realizar no mês.

Taxa de corretagem em contratos futuros

Contratos futuros são acordos de compra e venda padronizados. Por serem padronizados, os contratos futuros são negociáveis em bolsa.

Constituem a base do chamado Mercado Futuro. É feito um acordo de compra e venda com o vencimento determinado previamente pelas partes.

Esses acordos podem ser de:

  • Dólar futuro
  • Café
  • Milho
  • Índice futuro
  • Soja
  • Euro futuro
  • Entre outros

A taxa de corretagem de contratos futuros varia conforme o ativo negociado. A taxa é calculada por contrato.

Taxa de corretagem para ações

O mercado de opções é bastante utilizado pelos investidores como uma forma de proteger seus investimentos. Seja de possíveis riscos de perdas ou como alavancagem. Os valores e prazos dos direitos de compra e venda de ações são preestabelecidos.

E a taxa de corretagem para opções também pode variar conforme a corretora escolhida. Mas, assim como no caso das ações, ela pode ser aplicada por negócio (valor fixo) ou sobre o valor total da transação (percentual).

No caso do Home Broker, é comum que se aplique um valor fixo por negociação concluída, seja de compra ou venda de opções. Já nas operações via mesa, o investidor estará sujeito a taxa percentual sobre o montante total.

Qual a diferença entre a taxa de corretagem de corretoras e de bancos

Pelo nome, muitas pessoas imaginam que a taxa de corretagem se trata de uma taxa específica de corretoras. Mas isso não é verdade. Bancos e as demais instituições financeiras também cobram taxas de corretagem, mas com valores muito mais altos.

O ponto em comum com as corretoras é a variação conforme o tipo do investimento. Existe um valor diferente para operações na mesa e no Home Broker.

Além de taxas e custos mais caros, a variedade de investimentos também é bastante restrita. Ou seja, os bancos não são uma boa opção para o investidor que quer montar uma caderneta de investimentos diversificada.

E, se mesmo assim, você quiser ponderar se vale a pena investir direto com as instituições bancárias, pesquise sobre as demais taxas administrativas. Você pode se surpreender com o montante total dos custos desse serviço.

Qual a Diferença de Investir por Corretoras de Valores e Banco?

Qual a diferença entre taxa de corretagem e taxa de custódia?

Os custos de investir podem gerar muitas dúvidas.

Mas não deixe que elas impeçam você de aplicar o seu dinheiro. O custo de não investir é muito maior do que o de investir.

Por exemplo, deixar o dinheiro embaixo do colchão custa caro, afinal, ele perderá valor conforme a inflação avança.

Ao investir, você protege o seu dinheiro dessas taxas que corroem o dinheiro e ainda conta com o poder dos juros compostos. Eles são capazes de fazer maravilhas com aplicações que permanecem investidas durante alguns anos.

O custo de não investir é alto. Mesmo assim, é importante ao começar a aplicar, entender qual é o caminho mais em conta para pagar menos taxas.

Afinal, cada corretora, banco ou instituição financeira possui valores, alguns custos e cobranças próprios.

Uma confusão bem comum entre as pessoas que querem começar a investir é sobre taxa de corretagem e de custódia.

Elas são a mesma coisa?

Não!

O que é taxa de custódia?

taxa de custódia se refere aos custos de armazenamento dos títulos ou ações do investidor junto à corretora. Ela pode ter um valor fixo ou ser calculada a partir do valor dos papéis guardados. Esta cobrança, no entanto, não é obrigatória. E muitas instituições decidem isentar o investidor deste pagamento.

A isenção pode ocorrer conforme o volume de movimentação ou de acordo com as ações e negociações realizadas pelo investidor durante o mês.

A Rico isenta o investidor da taxa de custódia em renda fixa, renda variável e debêntures. Ou seja, taxa de custódia Zero para você investidor.

Fique atento a todas as taxas que envolvem a administração e transação do seu investimento.

O que é taxa de corretagem?

Já a taxa de corretagem é um valor cobrado pela corretora para cada negociação intermediada na Bolsa de Valores.

Qual a corretora com menor taxa de corretagem?

A maior parte das corretoras disponibiliza suas taxas por tipo de investimento nos sites e blogs.

Mas o investidor deve ficar atento aos custos totais do investimento e não apenas à taxa de corretagem.

Outro item bastante interessante para se levar em consideração é que muitas corretoras isentam algumas taxas de acordo com o volume de negociações ou o tipo de investimento.

Mas pode fazer o jogo de “metade do dobro”. Ou seja, isentam o investidor de algumas taxas, mas repassam o custo de alguma outra forma. E no fim, suas operações podem ficar mais caras.

Como cada corretora pode estipular seus próprios custos, a variação pode ser muito grande. Então, o aconselhável é que o investidor analise todas as opções de acordo com o tipo de investimento, volume de negociações e isenções disponibilizadas pela corretora.

Se possível, simule algumas negociações que você fez no passado com as taxas da corretoras para ver na prática quanto custaria a compra ou venda em cada corretora.

Entendendo a taxa de corretagem da Rico

Dois dos principais ideais da Rico são: transparência e didática.

Sabemos o quanto esse mercado pode ser complexo para investidores iniciantes, e até mesmo para os mais calejados.

Veja agora como funcionam as taxas da Rico em cada tipo de investimento: 

Taxa para Tesouro Direto e renda fixa

Como dito, toda renda fixa na Rico possui TAXA ZERO.

Além de ser taxa zero para investir em renda fixa, aqui você também é isento de custos para abrir uma conta e manter ela.

Diferente dos grandes bancos e cartões de créditos, nós não cobramos nenhuma taxa de administração ou anuidade.

Fazemos isso porque queremos que o maior número de investidores possível possa aplicar com rentabilidade. 

Queremos ajudar você a alcançar a sua independência financeira.

E o melhor caminho para isso é investindo com segurança, boa rentabilidade e claro, custos baixos.

Taxa de corretagem para ações

No mercado de ações, a corretagem zero é válida apenas para ordens executadas pelo próprio cliente nas nossas plataformas digitais. Veja as taxas operacionais variáveis cobradas para ordens executadas pelos canais de atendimento:

TaxaValor
Day Trade – padrãoR$ 0,00
Swing Trade (Posição) – padrãoR$ 0,00
Day Trade – fracionárioR$ 0,00
Swing Trade (Posição) – fracionárioR$ 0,00
Fundos imobiliários, BDRs e ETFsR$ 0,00
Tabela de corretagem atualizada em fevereiro/2024. Fonte: Custos: conheça as taxas de corretagem da Rico | Rico

Perceba como ficou muito atrativo montar uma posição na bolsa de valores. Lembre-se: na Rico, você também conta com umas das melhores carteiras recomendadas do mercado.

Taxa de corretagem para Opções

No mercado de opções, os valores são válidos apenas para ordens executadas pelo próprio cliente nas nossas plataformas digitais. Veja as taxas operacionais variáveis cobradas para ordens executadas pelos canais de atendimento.

TaxaValor
OrdemR$ 0,00
Tabela de corretagem atualizada em fevereiro/2024. Fonte: Custos: conheça as taxas de corretagem da Rico | Rico

Taxa de corretagem para contratos futuros

Os valores são válidos apenas para ordens executadas pelo próprio cliente nas nossas plataformas digitais. Veja as taxas operacionais variáveis cobradas para ordens executadas pelos canais de atendimento.

Confira a seguir os valores para operar contratos no o mercado futuro.

Dólar e ÍndiceValor
Day TradeR$ 2,25 por contrato
Swing Trade (Posição)R$ 3,75 por contrato
Tabela de corretagem atualizada em fevereiro/2024. Fonte: Custos: conheça as taxas de corretagem da Rico | Rico

Os cortes nas taxas neste tipo de investimento foram altos. Se quiser saber mais sobre esse mercado, clique aqui para ler um guia completo.

Taxa de corretagem para mini contratos de dólar e índice

Uma variação do contrato cheio, o mini contrato é um investimento muito popular na Rico. Veja a seguir como ficaram as novas taxas de corretagem nesta categoria de aplicação.

Minicontratos (Dólar e Índice)Valor
Day Trade / Swing Trade com RLP ativoR$ 0,00
Day Trade sem RLP ativoR$ 0,45 por contrato
Swing Trade (Posição) sem RLP ativoR$ 0,75 por contrato
Tabela de corretagem atualizada em fevereiro/2024. Fonte: Custos: conheça as taxas de corretagem da Rico | Rico

Comece a investir com a Rico hoje mesmo!

Para começar a investir, você só precisa abrir a sua conta na Rico. É rápido, prático e sem custos.

Você precisa ter em mãos documentos pessoais e os dados da conta corrente. O processo de cadastro leva alguns minutos e você já pode começar a se planejar para rendimentos consideravelmente maiores que a poupança.

O receio de investir é o maior erro dos brasileiros. Considerar que são muitas taxas, ou que o mercado financeiro é muito complexo, impede que você realize os seus projetos.

A Rico entende que a falta de conhecimento e a prática podem atrasar o futuro de um investidor de sucesso. É exatamente por isso que escolher uma corretora que se preocupa com a educação financeira dos seus clientes é tão importante.

Além de especialistas, a Rico tem um arsenal de artigos e materiais educativos para quem quer começar a investir ainda hoje.

Se ficou com algum receio, faça a simulação do quanto você está deixando de ganhar ao colocar o seu dinheiro na poupança ou com ele parado na conta corrente do seu banco.

Com certeza a Rico tem algumas das melhores taxas e o investimento ideal para o seu perfil de investidor. Mas as taxas não são tudo. Você também deve considerar qual plataforma te atende melhor, em qual você consegue fazer os seus investimentos com mais facilidade. 

Veja o passo a passo para abrir conta na Rico

É só clicar em “CADASTRE-SE” no topo desta página ou no final desse artigo.

  1. Insira todos os seus dados no processo de cadastro
  2. Espere até que sua conta seja liberada (pelo menos 1 dia útil)
  3. Quando sua conta estiver aberta, faça uma TED para a sua nova conta de investimentos
  4. Escolha as aplicações
  5. Invista

É simples assim. No entanto, se quiser entrar em mercados mais complexos e arriscados como a Bolsa de Valores, você deve estudar bastante e ter um perfil mais arrojado para suportar os riscos.

Conclusão

As taxas, custos e despesas com investimento não devem ser tratados como algo complexo ou prejudicial ao seu rendimento.

Afinal, alguns custos são inerentes ao mercado financeiro e não há como evitá-los.

Deixar de investir é um grande erro. Você deve colocar o seu dinheiro para “trabalhar para você”. 

O fato de alguns custos serem inevitáveis não deve ser um motivo para que o investidor escolha a primeira opção que encontrar.

Pesquisar e comparar os prós e contras de cada opção é o que vai fazer do seu investimento o mais lucrativo possível.

Como falado anteriormente, a taxa de corretagem pode ser fixa ou um percentual do montante total – ou ambos.

O investidor, principalmente o iniciante, deve ficar bastante atento a como essa taxa pode impactar no tipo de investimento que pretende fazer.

A escolha correta do fluxo de negociação, valor total do investimento e onde você vai investir são elementos que refletem nas taxas e custos das operações.

Por exemplo, o Tesouro Direto é isento de taxas administrativas e Fundos Imobiliários têm taxa zero, na Rico. Se você ainda não começou a investir com medo das taxas ou com receio de perder dinheiro, entre em contato com a gente.

Além disso, com as taxas reduzidas, esse pode ser um bom momento para começar a investir na Bolsa de Valores.

A Rico conta com especialistas para desenvolver a melhor carteira de investimentos para os seus objetivos. Com serviços pré-selecionados e um portfólio com os melhores investimentos do momento.

Gostou deste artigo? Então, deixe o seu comentário.

Continue aprendendo sobre investimentos com estes outros artigos do nosso blog:

Clique e abra sua conta na Rico