Realize suas metas em 2024! Acesse o ebook "Da meta ao investimento" e conheça os melhores investimentos para realizar seus objetivos.

19/07/2023 13:29:22 • Atualizado em 02/02/2024 09:48:42
17 minuto(s) de leitura


Entenda o rendimento do Tesouro Direto!

Saber quanto rende o Tesouro Direto hoje é essencial para que você planeje os seus investimentos da melhor maneira possível, além de se beneficiar com a rentabilidade e segurança desses títulos.


Compartilhar:
Mulher busca informações sobre o rendimento do Tesouro Direto em seu notebook.

Quanto rende o Tesouro Direto hoje é uma dúvida que muitas pessoas têm ao se depararem com os diversos títulos públicos disponíveis.

Investir nos títulos do Tesouro é algo que tem ganhado muitos adeptos nos últimos anos, principalmente devido a sua facilidade e segurança.

Isso porque o risco de o governo federal quebrar e não conseguir cumprir a remuneração dos investidores é muito baixo.

O rendimento dos títulos do Tesouro Direto pode variar de acordo com a Taxa Selic ou com o IPCA, por exemplo, dependendo do título.

Além disso, também existem opções prefixadas, onde você investe já sabendo quanto vai receber na data de vencimento.

Investir em títulos públicos é uma ótima opção para quem quer diversificar o seu portfólio e para quem quer começar a aplicar mesmo com pouco dinheiro.

Com a Rico você investe de um jeito simples, rápido e descomplicado. Abra sua conta e tenha acesso a todas as vantagens de ser Rico.

Quanto Rende o Tesouro Direto?

Para saber quanto rende o Tesouro Direto, você precisa conhecer quais são os principais índices atrelados a ele.

Taxa Selic

Um desses indicadores é a Taxa Selic, que está particularmente atrelada ao Tesouro Direto Selic. Ela nada mais é do que a taxa básica de juros.

Ela é definida pelo Comitê de Política Monetária (Copom), a fim de controlar a inflação do país ou de impulsionar a economia.

Dessa forma, o desempenho do título público de maior liquidez está atrelado à ela.

[Ebook] Guia completo sobre investimentos

Quer aprender como fazer seu dinheiro render e trabalhar para você? Aprenda tudo neste guia completo da Rico sobre investimentos.

Preencha seus dados e faça o download!

Enviando...

Ao prosseguir, você autoriza que a Rico colete seus dados pessoais de acordo com nossa Política de Privacidade. 

envio com sucesso

Agradecemos o download!

Aproveite as informações do material e descomplique a sua vida financeira com a Rico.

 

Download

A Taxa Selic significa Sistema Especial de Liquidação de Custódia. Ela é um sistema criado pelo Banco Central (BC) com o intuito de registrar todas as operações que são relacionadas com os títulos do Tesouro Direto.

A maior parte desses títulos é adquirida por grandes bancos, que são obrigados por lei a direcionar parte de seus depósitos a uma conta do Banco Central.

Dessa maneira, é imposto pelo BC que os bancos fechem o dia com seus caixas equilibrados. Assim, o excesso de dinheiro que circula é evitado, o que acaba ajudando no controle da inflação.

O valor da Taxa Selic é estabelecido pelo Copom, que se reúne a cada 45 dias para decidir o rumo da taxa básica de juros durante o próximo período. Atualmente, ela está em 11,25% ao ano (janeiro/2024).

IPCA

O IPCA é o Índice de Preços ao Consumidor Amplo, que é considerado a inflação oficial do país. Esse índice é medido todos os meses pelo IBGE para que haja a identificação da variação dos preços exercidos pelo comércio.

É fundamental que você sempre saiba qual é a perspectiva para o IPCA, já que ele indica qual é o patamar mínimo de manutenção do poder de compra do seu dinheiro.

Dessa forma, se a rentabilidade de um determinado ativo não for superior à inflação, o seu poder de compra será reduzido em vez de ser expandido.

Por conta disso, os títulos do Tesouro Direto que são indexados pelo IPCA pagam juros anuais mais a variação da inflação no período.

Com a Rico você investe de um jeito simples, rápido e descomplicado. Abra sua conta e tenha acesso a todas as vantagens de ser Rico.

Como calcular o rendimento de cada título do Tesouro Direto

A imagem mostra algumas moedas empilhadas e ícones em referência aos investimentos em tesouro direto.

Para saber quanto rende o Tesouro Direto, você precisa estar ciente de que existem taxas e tributos que devem ser levados em consideração durante o cálculo de todos os títulos existentes, que são:

  • Tesouro Selic
  • Tesouro IPCA
  • Tesouro Prefixado

O primeiro tributo é o IOF (Imposto sobre Operações Financeiras), que é um imposto cobrado em todos os investimentos em títulos públicos. Porém, a sua incidência é apenas sobre os 30 primeiros dias de aplicação.

Ou seja, se você resgatar o seu investimento dentro desse período, haverá a cobrança do IOF.

Também há uma taxa de custódia, que é cobrada de forma semestral pela BM & FBovespa, a fim de que os títulos e suas informações pessoais sejam guardados com segurança. Ela totaliza 0,25% ao ano.

O último tributo que pode interferir no quanto rende o Tesouro Direto é o Imposto de Renda (IR).

Ele incide sobre a rentabilidade dos seus títulos de maneira regressiva. Ou seja, quanto maior for o tempo da sua aplicação, menor será a alíquota cobrada. Confira na tabela abaixo:

PrazoIR(%)
Até 180 dias22,5
De 181 até 360 dias20
De 361 até 720 dias17,5
Acima de 720 dias15

Quanto rende o Tesouro Direto Selic

Para saber quanto rende o Tesouro Direto Selic, você precisa entender que ele proporciona um retorno de 100% da Taxa Selic, que atualmente está em 11,25% a.a (janeiro de 2024). 

Ou seja, o aumento da taxa básica de juros eleva o rendimento da sua aplicação e a redução dessa taxa diminui a sua rentabilidade final. Apesar disso, o Tesouro Selic é o mais estável entre todos os títulos.

Ao investir no Tesouro Selic, dificilmente você correria o risco de enfrentar uma rentabilidade negativa, independente da data de resgate e do tempo de aplicação. Com isso, o seu dinheiro tende a render sempre de maneira constante e positiva.

Quanto Rende o Tesouro IPCA+

O Tesouro IPCA rende de acordo com a sua taxa fixa mais a variação da inflação. E isso acontece tanto no Tesouro IPCA+ quanto no IPCA+ com juros semestrais.

A diferença entre eles é que o primeiro paga a rentabilidade total apenas na data de vencimento do título e o segundo paga semestralmente, com a incidência do IR a cada seis meses, o que impacta no rendimento líquido desse papel. 

Quanto Rende o Tesouro Prefixado (LTN)

A rentabilidade de uma LTN é prefixada. Ou seja, antes de investir você sabe exatamente quanto vai resgatar se mantiver o seu investimento até a data de vencimento.

Dessa forma, se o Tesouro Prefixado render 12% ao ano no momento da sua compra, ele vai render exatamente essa porcentagem em sua data de validade. Nada mais, nada menos.

Então, se você acredita que a taxa de juros prefixada será maior do que a inflação ou do que a Taxa Selic, esse investimento pode ser ideal para você.

Conheça nosso simulador de investimentos para saber quanto rende o Tesouro Direto hoje e calcule valores específicos baseado nos seus objetivos pessoais!

Como investir no Tesouro Direto

A imagem mostra algumas moedas caindo, em referencia aos investimentos em Tesouro Direto.

Investir mensalmente no Tesouro Direto é uma ótima opção para quem quer aproveitar a rentabilidade sob a rentabilidade (as vantagens dos juros compostos) que os títulos públicos proporcionam.

Além disso, você também pode contar com o serviço de Aplicação Automática (AA) que visa facilitar seu investimento mensal nesses títulos.

Para saber mais sobre essa opção, você pode assistir ao vídeo do Bruno Perini no nosso canal que mostra mostra na prática como funciona o AA:

Para investir nos títulos do Tesouro, você precisa de um CPF válido, a partir de R$ 30,00 e acesso à internet.

Esse processo é 100% digital e bastante seguro. Tudo o que você fazer para começar a investir agora é seguir os seguintes passos:

Passo 1 – Crie uma conta na Rico

Você precisa ter uma conta em uma instituição financeira para começar a investir em títulos públicos.

Na Rico, você abre uma conta gratuita e 100% digital e investe com a segurança e rentabilidade que o seu futuro merece.

O processo é totalmente online e você ainda conta com todo o nosso apoio para tirar dúvidas, e aprender cada vez mais com os nossos materiais educativos.

Passo 2 – Escolha um título do Tesouro Direto

O Tesouro Direto conta com três opções de títulos: Tesouro Selic, Tesouro IPCA+ e Tesouro Prefixado.

Ao optar por um deles para investir, leve em consideração os seus objetivos e o seu perfil de investidor.

Como mencionamos antes, se a sua meta é criar uma reserva de emergência, opte por uma aplicação de curto prazo com liquidez diária, como é o caso do Tesouro Selic. Assim, você garante a rentabilidade mínima do mercado e a segurança dos títulos públicos.

Caso o seu objetivo seja de longo prazo, como comprar uma casa, por exemplo, você pode optar pelo Tesouro Prefixado ou IPCA+. Mas é importante que você leve o seu investimento até a data de vencimento para garantir uma rentabilidade positiva.

Passo 3 – Realize a aplicação

Para começar a investir, você precisa realizar um TED do seu banco para a sua conta na Rico com o valor a ser investido.

Em seguida, faça o login na página inicial do nosso site e adquira a compra dos seus títulos do Tesouro Direto para finalizar seu investimento.

Pronto! Agora é só acompanhar seu dinheiro trabalhando por você.

Em síntese, para saber quanto rende o Tesouro Direto, é importante que você conheça os principais índices atrelados a esses títulos públicos:

  • Taxa Selic: é a taxa básica de juros e é definida pelo Copom;
  • IPCA: é a inflação oficial do país.

Todos os dias, a Plataforma Rico traz o melhor da Renda Fixa com as Rentabilíssimas. Abra a sua conta e conheça!

Existem três tipos de títulos no Tesouro Direto, com diferentes datas de vencimento: Tesouro Selic, Tesouro IPCA e Tesouro Prefixado.

Existem algumas taxas que incidem sobre seus rendimentos, que são: o IOF para aplicações de menos de trinta dias, a taxa de custódia e o Imposto de Renda.

Antes de investir, você precisa conhecer o seu perfil de investidor e ter os seus objetivos definidos, para conseguir ter a melhor rentabilidade possível no período definido por você.

Para continuar investindo de maneira descomplicada e saber tudo o que acontece no mercado e quais movimentações impactam seus investimentos, acompanhe nosso portal de conteúdos Riconnect e nosso canal no Youtube.

Clique e abra sua conta na Rico