Realize suas metas em 2024! Acesse o ebook "Da meta ao investimento" e conheça os melhores investimentos para realizar seus objetivos.

06/04/2023 21:57:16 • Atualizado em 07/12/2023 10:37:39
16 minuto(s) de leitura


O que é e como funciona o Pix?

Provavelmente, você já ouviu ou até mesmo usou o Pix, certo? Neste conteúdo, explicamos tudo sobre o Pix e se é seguro ou não!


Compartilhar:
Mulher segurando um celular e fazendo anotações em um papel em referência ao entendimento sobre o que é e como funciona o pix

Para saber como funciona o Pix, é necessário saber que ele consiste basicamente em um sistema de pagamentos instantâneo e que pode ser efetuado entre pessoas físicas, empresas e governo.  

Ele funciona como um método rápido, prático e moderno, sendo utilizado para agilizar a realização de transações financeiras. 

Atuando desde 2020, o Pix vem alterando o modo como clientes e empresas efetuam as transferências monetárias. Não por acaso, no nosso dia a dia, vemos cada vez menos dinheiro em papel. 

Quer saber mais sobre o que é e como funciona o Pix? Dê uma conferida nesse artigo que a gente preparou para você. 

O que é e para que serve o Pix? 

O Pix é um método de pagamento criado pelo Banco Central. E é um meio que facilita realizar transferências financeiras de um modo rápido em qualquer horário e dia, inclusive durante a madrugada e também em feriados.  

Vale salientar ainda que o Pix permite transferir dinheiro não apenas para outras pessoas, como também para realizar pagamentos a lojas e prestadores de serviço. 

Outro ponto interessante é o nome desse método. Pix, em um primeiro momento, pode parecer uma sigla.  

Contudo, ele é uma palavra curta, que faz referência a algo moderno e rápido. E rapidez não é um mero adjetivo nesse caso. Com o Pix, os pagamentos e transferências podem ser feitos em até 10 segundos. 

Além do mais, para enviar ou receber um Pix, não há a necessidade de cadastros e nem efetuar o download de um app, por exemplo.  

O Pix pode ser feito por meio do aplicativo de sua instituição financeira, desde que ela disponibilize esse método. 

Como funciona o Pix? 

O Pix é um método de transferência financeira que funciona em tempo integral.  

Na prática, qualquer um é capaz de transferir uma determinada quantia de dinheiro para uma pessoa à uma da manhã e em pleno feriado.  

Portanto, não se preocupe, pois o Pix funciona 24h por dia.  

Vale também salientar que as transações podem ser realizadas entre pessoas, entre pessoas e lojas e entre empresas e instituições governamentais, pois o método também vale para pagamentos de impostos e taxas. 

Além disso, as transferências são diretas, sem a necessidade da presença de terceiros.  

Sendo assim, o dinheiro sai da sua conta e vai direto para a conta da pessoa – ou empresa – que deve receber o valor. 

Para o Pix funcionar é necessário que tanto a pessoa ou instituição que paga, quanto a pessoa ou instituição que recebe, possuam uma conta em banco, instituição de pagamento ou fintech.  

Essa conta pode ser digital, de pagamento ou corrente. 

Há cobrança de taxas para fazer Pix? 

Mulher deitada em uma cama, com um celular na mão, fazendo um pix.

Na maioria das situações a transferência via Pix é gratuita para pessoas físicas.  

No entanto, se a pessoa optar por realizar um Pix por meio físico e não digital, o procedimento pode ser pago. 

No caso de pessoas jurídicas, é possível que haja cobranças pelo recurso. Isso vai depender da instituição. 

Os MEIs (Microempreendedores Individuais) podem realizar até 30 transferências por mês de forma gratuita. Porém, após ultrapassar esse volume, será efetuada uma cobrança.  

Isso vale também para pessoas físicas que recebam mais de 30 transações relacionadas com a compra e a venda de produtos ou serviços. 

O Pix é seguro? 

O método é seguro sim! Os dados dos usuários que fazem esse tipo de transferência financeira estão protegidos pela Lei do Sigilo Bancário e, também, pela Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD).  

Outro aspecto interessante é que todas as transações com o Pix são criptografadas.  

Além disso, assim como outras transações eletrônicas, como a TED, por exemplo, as transferências via Pix estão submetidas à mesma verificação de segurança e autenticação. 

No entanto, nunca é demais prestar atenção a possíveis golpes.  

O Pix é seguro, mas é sempre bom conferir se o valor, o nome da pessoa ou também da empresa são realmente o destinatário. 

O que são as chaves e como cadastrá-las no Pix? 

Mulher, deitada em uma cama, com um fone de ouvido e segurando um celular, fazendo um pix.

A chave Pix é um recurso que tem o objetivo de identificar a conta de uma pessoa, pois sem uma chave é impossível viabilizar as transferências.  

De uma forma geral, existem diferentes tipos de chaves Pix.  

Ao todo, é possível contar com 4 tipos de chaves: 

  • Chave aleatória; 
  • Número do telefone celular; 
  • E-mail; 
  • CPF/CNPJ. 

As pessoas físicas podem realizar o cadastro de até 5 chaves para qualquer conta da qual sejam titulares.  

Por outro lado, as pessoas jurídicas possuem um limite de até 20 chaves Pix. 

Não há a necessidade de possuir uma chave para realizar ou receber transferências no Pix, porém esse recurso torna os envios e recebimentos ainda mais rápidos.  

Além disso, sem uma chave, é preciso informar os dados bancários para o procedimento, o que torna o processo mais moroso e até mesmo não muito seguro pela exposição dos dados. 

Para efetuar o cadastro da chave e passar a usar o Pix, você precisa procurar pela seção “Pix” que está contida no aplicativo ou internet banking da sua instituição financeira.  

Elas são obrigadas a apontar esse recurso no menu. 

Existe um limite para a transferência por Pix? 

Não existe um limite para a quantidade de transações que podem ser realizadas durante o dia.  

Porém, os provedores da conta podem estipular um limite com o valor máximo que cada usuário pode realizar. Esse limite pode ser por transação ou por dia.  

O objetivo é tornar os envios e recebimentos ainda mais seguros. Vale lembrar que o limite para utilizar o Pix pode ser menor após as 20h da noite. 

O que fazer em caso de erro no envio do Pix? 

Em caso de erro, é necessário entrar em contato com a sua instituição financeira.  

Porém, é necessário ter o máximo de atenção na hora de enviar o Pix, pois ele é um pagamento que ocorre em questão de segundos. 

Sendo assim, é importante ficar muito atento, pois não há como cancelar um Pix realizado de forma equivocada. 

Qual é a diferença do Pix para outros métodos de transferências? 

A diferença reside na velocidade da transferência financeira.  

O Pix deixa os outros métodos “comendo poeira” em termos de rapidez. Além disso, se o TED (Transferência Eletrônica Disponível) e o DOC (Documento de Ordem de Crédito) apresentam restrições de dias e horários, o Pix não. 

Algumas instituições, por exemplo, exigiam uma determinada quantia para a realização de um TED.  

Além disso, nem sempre é possível efetuar as transações em feriados, finais de semana e determinados horários. Isso não ocorre com o Pix. 

Ainda sobre como funciona o Pix, vale salientar que as transações podem ser feitas de diferentes formas: 

  • Informando os dados bancários como ocorre com o TED ou DOC; 
  • Por meio de QR Code; 
  • Utilizando a Chave Pix que pode ser um endereço de e-mail, CNPJ, CPF, número do telefone celular; 
  • Utilizando uma chave aleatória. 

Abra sua conta digital na Rico e tenha acesso ao Pix e as infinitas vantagens de ser Rico! 

Quais são as vantagens do Pix? 

Homem de barba e camiseta laranja segurando um celular e com cara de surpreso em referência as vantagens do pix

As vantagens que o Pix apresenta no dia a dia são várias.  

Ele possibilita transferências rápidas a qualquer hora do dia, incluindo domingos e feriados, diferente de outros métodos.  

Isso é uma solução importante que viabiliza comodidade para qualquer pessoa. 

Além disso, é possível destacar ainda outros benefícios mais evidentes como veremos a seguir.  

Abra sua conta digital na Rico e tenha acesso ao Pix e as infinitas vantagens de ser Rico! 

Velocidade e segurança 

Como o Pix funciona realizando as transferências por meios digitais e um código identificador, ele possibilita que qualquer pessoa ou empresa efetue transações financeiras de um modo rápido e prático. 

Desse modo, o dinheiro da transação vai para o recebedor em pouco tempo, em qualquer dia e horário. 

Além do mais, o método preza pela segurança, pois ele é uma tecnologia que conta com criptografia e o sistema de pagamentos pode ser facilmente sincronizado com outros serviços e assim evitar fraudes. 

Taxas reduzidas ou inexistentes  

Além do tempo reduzido das transferências, as taxas também são menores ou em grande parte inexistentes.  

Isso ocorre porque a quantidade de intermediários financeiros será menor e exige um custo operacional mais baixo, resultando na redução de custos. 

Abra sua conta digital na Rico e tenha acesso ao Pix e as infinitas vantagens de ser Rico! 

Maior volume de dados e transações 

O Pix pode ser uma boa oportunidade para as empresas, pois há uma maior geração de transações, tendo em vista que não é preciso ter conta em banco tradicional para usá-lo.  

Sendo assim, é possível vender e receber de qualquer cliente de forma rápida e sem pagamento de taxas a intermediários ou operadoras de cartões.  

Dessa forma, podemos concluir que, com funcionamento desde novembro de 2020, o Pix em pouco tempo se tornou o sinônimo de agilidade e facilidade em transferências financeiras.  

Abra sua conta digital na Rico e tenha acesso ao Pix e as infinitas vantagens de ser Rico! 

Esse método foi desenvolvido pelo Banco Central e é realizado por meio de recursos específicos, que são as famosas chaves Pix.  

Elas podem ser o e-mail, o número do telefone, o CNPJ/CPF ou até mesmo uma chave aleatória. 

O Pix representa hoje em dia o que há de mais moderno e rápido em se tratando de transações financeiras, pois por meio dele é possível efetuar o pagamento de produtos e boletos.  

Para saber mais sobre o que é Pix e outros temas relacionados com finanças e tecnologia, acompanhe o nosso canal no Youtube e acesse o nosso blog.  

Por fim, abra sua conta na Rico e aproveite as infinitas possibilidades de ser Rico! 

Clique e abra sua conta na Rico