• A Copa do Mundo está chegando nos campos de futebol, mas você ainda não montou sua seleção de investimentos?
  • Quais as seleções favoritas para ganhar a copa da sua carteira de investimentos, provendo liquidez, diversificação e maiores retornos de longo prazo?
  • Te contamos nesse texto qual a seleção tem aquele artilheiro que não te deixa na mão, e muito mais para você montar uma seleção campeã.

É pessoal, faltam apenas 30 dias para a Copa do Mundo da Fifa 2022. Você sabia que essa será a Copa mais cara da história do futebol (em termos nominais)? Pois é. A Copa que será sediada no Catar teve um orçamento de aproximadamente US$ 200 bilhões – 14 vezes maior do que a Copa de 2018, que foi sediada na Rússia.

Com toda essa grana em jogo, não dá para falarmos dessa Copa e não falar sobre investimentos. Certo?

Por isso, nesse texto, você vai descobrir um pouco mais sobre as seleções favoritas para levantar a taça e a rentabilidade da sua carteira de investimentos, de acordo com a FIFA e nossos especialistas 😉

5ª do ranking FIFA: Inglaterra – previsível e seguro, como uma reserva de emergência

Começando com país que inventou o futebol como jogamos hoje, temos a nossa querida Inglaterra. A seleção Inglesa tem apenas 1 título mundial, mas sempre figura entre as seleções mais fortes e favoritas, entregando sempre jogos sólidos e consistentes, como esperado e prometido.

Podemos considerar que a seleção mais antiga do mundo é indispensável em qualquer Copa do Mundo. No mundo dos investimentos, esse seria o caso da boa e velha reserva de emergência – presente em qualquer carteira.

Por se tratar de uma reserva para quaisquer imprevistos, a quantia em questão deve ser aplicada em investimentos que tenham liquidez elevada. Ou seja, que permita o resgate imediato em caso de necessidade. Deixar o dinheiro investido ao invés de deixá-lo parado na conta corrente é fundamental para não perder poder de compra com o tempo, já que ele é gradualmente (ou rapidamente, a depender do nível da alta de preços) corroído pela inflação.  

Para investir sua reserva de uma forma tradicional e irreverente como a seleção Inglaterra, temos o Tesouro Selic, que é um título de renda fixa emitido pelo governo.

O Tesouro Selic é ideal para compor sua reserva de emergência, porque: i) possui liquidez diária (permite que você resgate a qualquer momento); ii) é o investimento mais seguro do mercado doméstico, por ser emitido pelo próprio governo; e iii) segue a rentabilidade da taxa Selic, nossa taxa básica de juros, garantindo retornos acima da poupança.

Vale destacar ainda que, com a taxa Selic atualmente em 13,75% ao ano, o Tesouro Selic apresentará verdadeira pontualidade britânica na rentabilidade de sua carteira de investimento.

Outras opções para sua reserva de emergência também incluem CDBs (títulos emitidos por instituições financeiras) de bancos sólidos com rentabilidade a partir de 100% do CDI, além de fundos de investimento em renda fixa atrelados ao DI com baixa taxa de administração – como o fundo Trend pós fixado FIC FIRF, disponível na Rico.

4ª do ranking FIFA: França – time rápido e vencedor, assim como a carteira Rico11

Chegou a hora de falarmos da seleção atual campeã da Copa do Mundo FIFA. Embora tenha apenas duas taças no currículo, a França tem mostrado um time cada vez mais maduro, e ao que tudo indica, mais pronto do que nunca para disputa de mais uma Copa.

Com uma seleção com jogadores rápidos pelas pontas e um meio campo de muita qualidade, o time francês é agressivo e quer levantar a taça pela segunda vez seguida – repetindo um feito concretizado apenas por duas seleções em 20 edições da Copa do Mundo: Itália (1934 e 1938) e o Brasil (1958 e 1962).

Uma seleção com raça e vontade, assim como a nossa carteira recomendada de ações e BDRs, a Rico11. Nela, nossos analistas indicam mensalmente os nomes preferidos para você incluir na sua carteira de ações campeãs, assim como essa geração francesa. E o melhor? Ela é gratuita e super fácil de acessar – é só clicar aqui.

3ª do ranking da FIFA: Argentina – diversificando o seu Messi com Fundos Multimercado

“O talento vence jogos, mas só o trabalho em equipe ganha campeonatos” – Michael Jordan

Nada melhor que falar dos nossos “Hermanos argentinos” com seu craque Lionel Messi e comparar com a famosa diversificação de carteira. Desde 1986 sem levantar a taça, a seleção duas vezes campeã do mundo deposita todas suas esperanças na já anunciada última copa de Messi.

Se você acompanha os nossos textos e todo o conteúdo da Rico, você sabe que não pode por todos os ovos na mesma cesta, como diria nosso querido bom velhinho de Omaha – Warren Buffet.

Assim você também deve saber que, para não ficar tanto tempo sem levantar a taça da Copa e buscar uma rentabilidade saudável na carteira, temos que focar na diversificação. Quer saber mais sobre o conceito e importância da diversificação? Clica aqui!

E sabe qual uma ótima maneira de diversificar seus ovos de investimento? Por meio de fundos de investimento multimercado, como o Selection Multimercado FIC FIM. Esse fundo tem o objetivo de alocar seu investimento com os melhores gestores de fundos multimercados disponíveis no mercado brasileiro, respeitando uma composição de estratégias que resulte numa carteira com risco moderado. No total, a gestão buscará investir em 8 a 12 estratégias diferentes, com foco em uma carteira diversificada e balanceada.

Dessa forma você fica tranquilo e tem até 12 “Messis” na carteira. Quem dera, hermanos…

2ª do ranking da FIFA: Bélgica – se não pode evita-la, junte-se à carteira No Stress da Rico

Conhecida atualmente como “a famosa geração belga”, com nomes promissores do futebol mundial, o elenco promete fazer história essa edição da Copa. A seleção belga sonha em conquistar sua primeira copa do mundo.

Apesar de não ter uma hegemonia no futebol mundial, foi essa seleção que eliminou o Brasil na última copa e com certeza chega como uma das favoritas para o Catar na segunda posição do ranking FIFA.

Essa famosa geração de ouro deve chegar longe nessa copa e sem muita dificuldade! E como sabemos que ela joga bem contra nossa amada seleção brasuca, para você evitar a elevação cardíaca no Catar ou aqui, ela pode ser comparada a nossa carteira de ações que não te dará dor de cabeça:  Cesta de ações “No Stress” Rico.

Essa seleção de ações é composta por nomes que, historicamente, tem comportamento mais defensivo e oscilam menos que o mercado. Os 10 nomes finais são aqueles com os menores valores de volatilidade mensal, que oscilam menos que o Ibovespa (medido pelo beta dos retornos do papel vs. o índice) e que apresentam crescimento linear nesse histórico total de 5 anos.

Atualizamos essa seleção anualmente.

1ª do ranking da FIFA: Brasil – dispensa comentários, assim como nossos favoritos fundos DNA

Podem me chamar de “clubista”, mas 2022 é o ano do hexa! Com Neymar e companhia, o Brasil chega ao Catar como a primeira seleção do Ranking mundial da FIFA. Com 5 títulos mundiais, a nossa querida canarinho é a seleção mais temida e poderosa do mundo.

Gigante pela própria natureza, a seleção chega como o povo brasileiro, cheio de esperança e querendo como presente de Natal tirar o grito do Hexa preso na garganta desde 2002.

Esse ano, teremos um time completo, dependendo menos do nosso querido “adulto Ney” e consistente desde o goleiro até os atacantes. E é claro que o investimento que vai ganhar a Copa do Mundo da Rico é a família de fundos DNA.

Já imaginou fazer um único investimento que, de forma simples, diversifique sua carteira e seja adequado ao seu perfil de investidor(a)? Esse é justamente o objetivo dos fundos DNA.

A família de fundos DNA é uma forma simples e prática para você diversificar seus investimentos. Por meio deles, você investe em um único fundo, e ele aloca o seu dinheiro em investimentos diferentes automaticamente. Tudo com base em muito estudo, dados, e um time de gestores experientes por trás dessas escolhas.

Conforme ilustrado abaixo, cada um dos sete fundos DNA combina um nível de retorno esperado com o de horizonte de investimentos. Como você pode ver, quanto mais tempo você puder deixar seus investimentos intocados, melhor! Você poderá tolerar maiores perdas pontuais, alcançando um maior retorno ao longo do tempo.

Assim, o ideal é combinar o(s) seu(s) objetivo(s) com o horizonte de investimento mais apropriado. E lembre-se: é essencial que você respeite o seu perfil de investidor. Afinal, ninguém quer sair tirando os jogadores de campo no primeiro gol adversário, não é mesmo?

Clica aqui pra saber mais sobre a família de fundos DNA. Aí, é só ligar a TV ou computador e comemorar o Hexa dos investimentos, na voz do Galvão Bueno: “É HEXAAAA, É HEXAAAA”!

#Bônus 55ª do ranking da FIFA: Catar

Assim como na Copa, a Seleção Catariana de Futebol representa o Catar nas competições de futebol da FIFA e aqui na Rico. Será sua primeira aparição em uma Copa, tendo conseguido o feito por sediar os jogos desse ano.

Sendo o país que realizou o maior investimento na história das Copas, escolhemos representar o Catar nesse texto como: o conhecimento. Entendemos que o conhecimento é o principal ativo para todo investidor, do iniciante como a seleção Catariana, ao favorito, como o Brasil.

Afinal, já dizia Benjamin Franklin, “investir em conhecimento sempre rende os melhores juros”. Por isso, fique sempre ligado no nosso conteúdo aqui no Riconnect.

E claro, nos vemos no hexa do futebol e dos investimentos!

Elaborado por:

Paula Zogbi, CNPI 2545

1) Este relatório de análise foi elaborado pela Rico Investimentos, que é uma marca da XP Investimentos CCTVM S.A. (“Rico”) de acordo com todas as exigências previstas na Resolução CVM nº 20/2021, tem como objetivo fornecer informações que possam auxiliar o investidor a tomar sua própria decisão de investimento, não constituindo qualquer tipo de oferta ou solicitação de compra e/ou venda de qualquer produto. As informações contidas neste relatório são consideradas válidas na data de sua divulgação e foram obtidas de fontes públicas. A Rico não se responsabiliza por qualquer decisão tomada pelo cliente com base no presente relatório.

2) Este relatório foi elaborado considerando a classificação de risco dos produtos de modo a gerar resultados de alocação para cada perfil de investidor.

3) O(s) signatário(s) deste relatório declara(m) que as recomendações refletem única e exclusivamente suas análises e opiniões pessoais, que foram produzidas de forma independente, inclusive em relação à Rico e que estão sujeitas a modificações sem aviso prévio em decorrência de alterações nas condições de mercado, e que sua(s) remuneração(es) é(são) indiretamente influenciada por receitas provenientes dos negócios e operações financeiras realizadas pela Rico.

4) O analista responsável pelo conteúdo deste relatório e pelo cumprimento da Resolução CVM nº 20/2021 está indicado acima, sendo que, caso constem a indicação de mais um analista no relatório, o responsável será o primeiro analista credenciado a ser mencionado no relatório.

5) Os analistas da Rico estão obrigados ao cumprimento de todas as regras previstas no Código de Conduta da APIMEC para o Analista de Valores Mobiliários e na Política de Conduta dos Analistas de Valores Mobiliários do Grupo XP.

6) Os produtos apresentados neste relatório podem não ser adequados para todos os tipos de cliente. Antes de qualquer decisão, os clientes deverão realizar o processo de suitability e confirmar se os produtos apresentados são indicados para o seu perfil de investidor. Este material não sugere qualquer alteração de carteira, mas somente orientação sobre produtos adequados a determinado perfil de investidor.

7) A rentabilidade de produtos financeiros pode apresentar variações e seu preço ou valor pode aumentar ou diminuir num curto espaço de tempo. Os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros. A rentabilidade divulgada não é líquida de impostos. As informações presentes neste material são baseadas em simulações e os resultados reais poderão ser significativamente diferentes.

8) Este relatório é destinado à circulação exclusiva para a rede de relacionamento da Rico. Fica proibida sua reprodução ou redistribuição para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o propósito, sem o prévio consentimento expresso da Rico.

9) SAC. 0800 774 0402. A Ouvidoria da Rico tem a missão de servir de canal de contato sempre que os clientes que não se sentirem satisfeitos com as soluções dadas pela empresa aos seus problemas. O contato pode ser realizado por meio do telefone: 0800-722-3730.

10) O custo da operação e a política de cobrança estão definidos nas tabelas de custos operacionais disponibilizadas no site da Rico: https://www.rico.com.vc/custos. 11) A Rico se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização deste relatório ou seu conteúdo. 

12) A Avaliação Técnica e a Avaliação de Fundamentos seguem diferentes metodologias de análise. A Análise Técnica é executada seguindo conceitos como tendência, suporte, resistência, candles, volumes, médias móveis entre outros. Já a Análise Fundamentalista utiliza como informação os resultados divulgados pelas companhias emissoras e suas projeções. Desta forma, as opiniões dos Analistas Fundamentalistas, que buscam os melhores retornos dadas as condições de mercado, o cenário macroeconômico e os eventos específicos da empresa e do setor, podem divergir das opiniões dos Analistas Técnicos, que visam identificar os movimentos mais prováveis dos preços dos ativos, com utilização de “stops” para limitar as possíveis perdas. 

13) Antes de qualquer decisão, os clientes deverão realizar o processo de suitability e confirmar se os produtos apresentados são indicados para o seu perfil de investidor.