Gol de CDB da Rico 250% do CDI: a cada fase que o Brasil avança na competição, você pode investir mais R$ 500 no produto

08/11/2022 09:58:00 • Atualizado em 06/12/2022 20:13:41
15 minuto(s) de leitura


Melhor CDB do mercado: invista com a maior rentabilidade!


Compartilhar:
Mulher segurando algumas cédulas de dinheiro em suas mãos, em referência ao investimento cdb 200.

O investimento em CDB é uma ótima opção para perfis conservadores que não querem assumir riscos em suas aplicações.  

Em um momento em que a taxa Selic está em alta, investir em aplicações que são atreladas a ela podem ser compensadoras, ainda mais quando seu rendimento é maior do que a própria taxa. 

No entanto, para fazer um bom investimento é preciso conhecer os detalhes da aplicação para entender se essa decisão faz sentido para os seus objetivos financeiros.  

A existência de um CDB 200% do CDI com alta liquidez pode cair muito bem em qualquer estratégia de diversificação

Um CDB é um título de renda fixa com garantia do FGC (Fundo Garantidor de Créditos)*.  

Ele é muito querido por investidores que querem ter noção de quanto vão receber por seus investimentos, já que está atrelado ao CDI. 

Um CDB de 200% do CDI significa que o investimento irá render aproximadamente o dobro da Taxa Selic.  

Quer entender mais como isso funciona? 

Nós explicamos tudo sobre este investimento logo abaixo.  

Veja o que você vai aprender:  

  • O que é CDB? 
  • Como funciona o CDB? 
  • Vale a pena investir em CDB 200%? 
  • Como investir em CDB 200%? 
  • Dúvidas frequentes sobre investimentos atrelados à taxa Selic. 

*Para mais informações, acesse o site do FGC: www.fgc.org.br. A garantia ordinária do FGC é até o limite de R$ 250mil por CPF ou CNPJ, por conjunto de depósitos de investimentos em cada instituição ou conglomerado financeiro, limitado ao teto de R$ 1 milhão, a cada período de 4 anos, para garantias pagas para cada CPF ou CNPJ.  

O que é CDB? 

O CDB ou certificado de depósito bancário é um título de renda fixa emitido pelos bancos.  

Este investimento é como uma forma de empréstimos dos investidores ao banco, que vai utilizar o dinheiro para investir em produtos financeiros para seus clientes. 

Esse tipo de investimento tem se tornado cada vez mais popular à medida que os investidores passam a conhecer as vantagens de um CDB.  

Muitos ainda possuem um certo receio de dar um passo à frente da poupança, mas o CDB acaba prometendo a mesma segurança com a possibilidade de maior rentabilidade

Então, quanto mais as pessoas ampliam o seu conhecimento sobre CDBs e outras formas de aplicação na renda fixa, mais oportunidades de aumentar a rentabilidade elas conhecem, sem deixar de se sentirem seguros com as decisões envolvendo seus investimentos. 

O CDB é um investimento que pode ser realizado por diversas instituições financeiras, como bancos e corretoras. 

Portanto, é necessário avaliar quais as instituições oferecem melhores oportunidades de rentabilidade para que o investidor possa escolher a aplicação ideal que está de acordo com o seu objetivo financeiro. 

Se você ainda é um dos adeptos à poupança, vai gostar de conhecer mais sobre o CDB para entender que, neste exato momento, o seu dinheiro poderia estar rendendo muito mais e ainda ter a mesma garantia de segurança. 

Abaixo vamos discutir mais sobre como funciona o CDB. 

Como funciona o CDB 200%? 

Mulher segurando algumas cédulas de dinheiro e um papel em suas mãos, em referência ao investimento cdb 200.

No CDB, o investidor empresta dinheiro ao banco emissor com a promessa de rentabilidade já acordada no momento da aplicação.  

Dessa forma, o banco recolhe o dinheiro do investidor, utiliza para oferecer produtos aos seus clientes (crédito para financiamentos, empréstimos e outros) e devolve o valor investido com o acréscimo dos juros na data de vencimento. 

Sobre o rendimento, todas as aplicações de CDB já divulgam quanto é possível receber como uma de suas informações básicas.  

Existem CDBs que pagam 100% do CDI e outros com rendimentos maiores. 

Geralmente o CDB está atrelado a um marcador de mercado, como o CDI.  

O CDI, por sua vez, é uma taxa muito aproximada à taxa SELIC (taxa básica de juros), só que esse é um marcador utilizado por bancos privados, enquanto a SELIC é utilizada pelo Governo Federal em aplicações do tesouro

Sobre liquidez, cada CDB possui a sua data de vencimento e liquidez diferentes.  

Alguns CDBs prometem rendimentos somente no vencimento, enquanto outros permitem liquidez imediata e rendimento compatível ao tempo investido. 

Outro fator importante é a segurança. O CDB é um investimento de baixo risco, por ser renda fixa.  

Mas muitas pessoas ainda perguntam: e se o banco quebrar?  

Bem, uma das vantagens do CDB é sua proteção do FGC (Fundo Garantidor de Créditos) que ressarce o investidor em até 250 mil reais por CPF por instituição financeira, caso algo venha a acontecer. 

Vale a pena investir em CDB 200%? 

Depois de conhecer como funciona o CDB, muitas pessoas se interessam por este tipo de rendimento.  

Uma das questões que fica, neste caso, é se realmente vale a pena investir em CDB, então vamos discutir um pouco sobre isso. 

Uma das grandes vantagens do CDB é que ele oferece tanta segurança quanto a poupança, que é uma aplicação confortável para a maioria dos brasileiros.  

Então, no quesito segurança, não há o que se preocupar, pois o CDB é uma aplicação de baixíssimo risco. 

A partir daí, alguns fatores a se considerar são a liquidez e a rentabilidade. 

Sobre a liquidez, é interessante perceber que quanto menor a liquidez, maior a rentabilidade do investimento.  

Mas supondo que o investidor não queira correr riscos de não poder sacar seu dinheiro, é importante saber que existem CDBs que oferecem liquidez imediata, assim como a poupança. 

Aí vem a parte da rentabilidade. Bem, a maioria dos CDBs que oferecem liquidez imediata e garantia do FGC conseguem também oferecer melhores rentabilidades que a poupança.  

Enquanto o rendimento da poupança gira em torno de 70% da Taxa Selic, muitos CDBs de liquidez imediata conseguem oferecer 100% do CDI (taxa semelhante à SELIC). 

Então, mesmo que o CDB seja uma aplicação que cobra imposto de renda sobre os rendimentos, ele ainda consegue ter maior desempenho que a poupança, oferecendo a mesma segurança. 

Portanto, quando falamos de boas condições para investimento, os CDBs são ótimas opções.  

Resta saber se elas fazem sentido para a sua estratégia de investimentos, mas, com certeza, essa é uma aplicação que se encaixa facilmente em uma estratégia de diversificação ou até mesmo para se montar uma reserva de emergência

Gostou de saber mais sobre o CDB? Nós te ensinamos agora como você pode fazer investimentos neste tipo de aplicação. 

Como investir em CDB 200%? 

Fazer um investimento em CDB é muito simples. Você vai precisar primeiro abrir uma conta na Rico e conhecer as opções de aplicações disponíveis e todos os detalhes de cada uma.  

Esse passo é muito importante, já que é essencial escolher uma boa parceira de negócios para te ajudar a investir de forma consciente. 

Na Rico você encontra uma infinidade de opções de investimento, incluindo bons CDBs que podem facilitar a sua decisão.  

Além de boas oportunidades, você ainda pode conhecer todos os detalhes de cada CDB de forma transparente e ainda fazer a simulação de rentabilidade de acordo com o montante que deseja investir. 

Cada aplicação de CDB tem um investimento mínimo. Esses valores podem variar, no geral, de R$ 100 até R$ 1.000.  

Portanto, é preciso analisar quais as opções estão dentro da sua estratégia de acordo com o valor que pode investir. 

Depois de escolher a sua aplicação, você vai precisar transferir dinheiro para a Rico e clicar na opção de CDB desejada para fazer a aplicação, preenchendo também o valor que deseja aplicar.  

A partir daí, é só deixar o seu dinheiro render! 

Uma observação importante: esteja sempre atento aos vencimentos e liquidez para que você não perca dinheiro ou deixe de receber a rentabilidade esperada.  

Se escolher certo, com base nessas dicas e sua estratégia financeira, pode ficar muito satisfeito com seus investimentos!

Dúvidas frequentes sobre investimentos atrelados à taxa Selic  

Quem define a taxa Selic? 

A taxa SELIC é definida pelo Comitê de Política Monetária do Banco Central (Copom). O Copom se reúne a cada 45 dias para decidir se a taxa Selic aumenta, diminui ou continua a mesma, de acordo com dados atualizados da economia, como a inflação

Se a taxa Selic cair eu vou perder dinheiro? 

Não! As aplicações da renda fixa não permitem que você perca dinheiro. O que pode acontecer no caso de baixa da SELIC é que o seu investimento deixa de render o tanto quanto esperado. Ainda assim, ele vai render! 

Conclusão: faz sentido investir em CDB? 

Mulher sorrindo e segurando algumas cédulas de dinheiro em suas mãos, em referência ao investimento cdb 200.

O CDB está cada vez mais se tornando uma das opções de investimento com maior popularidade entre os investidores de perfil conservador.  

Muitos investidores já reconhecem a oportunidade de aumentar sua rentabilidade ao transferir recursos da poupança para aplicações em CDBs e outros títulos de renda fixa. 

Investir em CDB na Rico é uma ótima oportunidade de investimento para quem precisa dar o primeiro passo rumo à uma estratégia de investimentos mais eficiente, onde o seu dinheiro realmente trabalha e dá retorno. 

Gostou de saber mais sobre CDBs?  

Não deixe de abrir sua conta e conferir este produto que irá melhorar sua estratégia de investimentos e te ajudar a alcançar seus objetivos financeiros mais rápido! 

Além disso, para ficar cada vez mais atualizado, não deixe de acompanhar os conteúdos do nosso blog para aprender quais as melhores aplicações para o seu perfil de investidor.  

Visite também nosso canal da Rico, no YouTube, para ter as melhores dicas de investimento e de mercado e aprender quais as melhores opções de investimento para você alcançar a tão sonhada liberdade financeira.